Apropriação cultural nos desfiles de moda – É possível fazer diferente

valentino

As coleções de primavera/verão de diversos estilistas nacionais e internacionais se inspiraram na África. Tema popular entre as runways e cool hunters, mas raramente abordado nos debates sociais. Não é mimimi. Para muitos não é claro os danos que a apropriação cultural pode causar. No meio da moda, a apropriação visa gerar lucros com vários aspectos de culturas menos privilegiadas, sem permissão e com uma compreensão ligeira sobre o objeto aspiracional. Descartando o valor das tradições e rituais para o grupo e constantemente, reforçando esteriótipos negativos e incorretos. Mesmo de forma ingênua.
SS17M-Vuitton-035-1542x1026

É possível inspirar-se sem apropriar-se 

Esta semana a Louis Vuitton exibiu no seu desfile de primavera 2017, a coleção masculina inspirada nas memórias de infância do diretor Kim Jones, que nasceu em Londres mas foi criado na Ethiopia, Kenya, Botswana e Tanzania.
Com a vivência de Jones, foi possível ver uma versão menos estereotipada do continente. Sem tribais, tributos a safaris, modelos com rostos pintados, batas africanas (o conhecido dashiki) e turbantes, a coleção apresentou tons sóbrios, com verde militar, azul prussiano, cáqui e taupe. Estampados xadrez e de zebra, casacos de crocodilo (totalmente contra!) e suéteres inspirados nas mantas Masai. O erro aparece quando apenas 7 modelos negros desfilavam, entre os outros 28 modelos brancos.

Um ponto sem hipocrisia: Diariamente nos apropriamos de aspectos de outras culturas, muitas vezes sem conhecer a origem do objeto ou conceito. É praticamente impossível não fazer isso, considerando que estamos altamente conectados via internet, propagandas, viagens, tendências e arte. Na moda não é diferente. Todos se inspiram em tudo. O problema está no limite do “tudo“.
Continue Reading

Usando as tendências das passarelas no dia a dia

A semana de moda de Nova York está rolando. Nossos designers favoritos, Tommy, Marc, Herrera, Michael Kors e outros, estão invadindo as passarelas e apontando as novas tendências do mundo da moda. Yaaas!
Na passarela vemos muitas peças maravilhosas mas que pensamos “achei lindo, mas não teria coragem de usar na rua“. Seja pela cor, pelo tecido, pelo corte.. Justamente pelos modelos apresentados nos desfiles serem mega chamativos, temos que tentar adaptar o que vemos na semana de moda para a nossa rotina diária. Do show pra vida real!

Separei três tendências que bombaram nos desfiles essa semana e algumas peças chaves para conseguir adaptar o look do dia com o que encontramos em Nova York. Olha só:

militarismoitsgaby

Militarismo já está na moda tem um tempo. Como o próprio nome já diz, é se inspirar na vibe militar para montar o look. Entre as peças que mais caracterizam esse estilo estão: parka, estampa camuflada, calça skinny e botas. As cores principais são o preto, marrom e verde musgo. Experimente usar essas peças chaves e acrescente o que te deixar a vontade.

milotarismotendenciaitsgaby

 

_______________________________________________________________________
anos70nyfwitsgaby

Referências aos anos 70 apareceram em peso nas passarelas do NYFW. Você pode estar pensando que seu estilo não tem nada a ver com a época, maaas sabe o estilo Boho? Então, eles são bem parecidos.
O anos 70 se encontram nas cores, batas, bolsas tiracolo, peças artesanais, de crochê, estampas florais, cintos e a famosinha calça flare. Impossível não encontrar uma dessas peças no guarda roupa. Tommy Hilfiger concorda comigo!

anos70_______________________________________________________________________

OCEANOITSGABYNYFW

Ai, também quero ser sereia! No NYFW onda oceano apareceu através dos tecidos transparentes, cores neutras, tons de azul e muito brilho. Para o dia a dia, use essa tendência com vestido de tecidos leves, nas cores branco, azul ou esmeralda. Varie nos tons de azul e se a ocasião pedir, se joga no brilho. Cortes assimétricos e tecidos cintilantes também fazem parte desse look marinho.

diaadiaitsgabyfashionweekoceano

É durante os desfiles que são lançadas as novas tendências, cores e tecidos que vão se usar na próxima temporada. Lembrem-se: a semana de moda está aí não só para apresentar as novas coleções, mas também para servir de inspiração <3

Beijos,
Gabriela Alegre

Alessandra Ambrósio e o sutiã de R$5 milhões da Victoria’s Secret

Todo ano a Victoria’s Secret lança o ‘Fantasy Bra‘, um sutiã adornado por pedras preciosas caríssimas que é desfilado por uma “anja” no show da marca.  Neste ano, a top eleita para vestir e desfilar o sutiã milionário é a Alessandra Ambrósio. Com um valor estimado de 5 milhões de reais, a peça chamada de  Floral Fantasy Bra foi criada pela London Jewelers e é composta por ametistas, rubis, diamantes e safira. Uou. 


Outras brasileiras que já tiveram a oportunidade de desfilar com um Fantasy Bra foram Gisele Bündchen e Adriana Lima.

Beijos, Gabriela Alegre.